(27) 3361-6728

A RÁDIO DO POVO!

 

 

Foram dez anos de pesquisa da Universidade Federal do Espírito Santo. A conclusão é que a areia preta de Guarapari pode prevenir doenças.

 
 
 
 
 

No sudeste do Brasil, as areias da praia de Guarapari já são famosas há muito tempo por causa das propriedades medicinais. Mas pesquisadores da Universidade Federal do Espírito Santo comprovaram que esse poder vai muito além do que se pensava.

Nesta praia o banho de mar fica em segundo plano. O banho é de areia, por todo corpo. A Praia da Areia Preta de Guarapari sempre atraiu turistas. Eles acreditam que essa areia faz bem para a saúde, cura doenças. A fama da areia medicinal despertou a curiosidade do doutor em ciência nuclear. Com o equipamento que registrou que a radiação aumenta na areia da praia é quase 13 vezes maior que a do ambiente. A areia preta emana um gás, chamado radônio, por isso até o ar da praia foi coletado.

Da praia para os laboratórios da Universidade Federal do Espírito Santo. Lá os pesquisadores separaram os elementos que compõem a areia e viram que juntos eles dão ao material características bem específicas. Por ser mais escura, por exemplo, a areia retém mais calor. Em máquinas, a areia foi analisada com luz infra-vermelha. E também com testes com raio laser. A radiação é medida constantemente. E assim, foram dez anos de pesquisa. A conclusão é que a areia pode prevenir doenças, inclusive câncer.

Segundo o professor, o spray d´água que vem das ondas, a temperatura e magnetismo da areia, junto, principalmente com o gás que ela gera, o radônio, proporcionam uma radiação que previne a doença.

"Baixos níveis de radiação estimulam a defesa do corpo. Isso acontece em vários lugares. Especificamente em Guarapari, a areia tem uma dose muito salutar. É uma dose pequena, mas não muito. Ela não trata, ela previne. Essas pessoas ganham uma resistência maior. É como se fosse uma vacina", explica o físico nuclear Marcos Olando.

A pesquisa também cita números que mostram que em Guarapari a incidência de câncer de mama é de dois casos para cada grupo de 100 mil mulheres. Bem menor que de outras cidades do Espírito Santo. Mas quanto tempo uma pessoa deve ficar na praia? Em busca dessa resposta, os professores de física nuclear vão trabalhar junto com médicos e biólogos e devem fazer testes com animais. Uma certeza é que ninguém deve levar um pouco de areia para casa. Ela só previne doenças na praia em Guarapari.

"A areia compõe o quadro terapêutico. Você tem o gás que ela emite, então tem que ser uma quantidade grande. Mais o calor, todos esses fatores juntos é que favorecem a saúde. Não é uma areia milagrosa", afirma o físico.

 

FONTE: G1

 Data de publicação - 26/12/2017 10:41:10



Todos os direitos reservados COLINAFM.COM

Rua Horácio Santana, 291 - Ed. Antares Center - 1º Andar - cep 29200-750 - Parque Areia Preta - Guarapari-ES