Previous slide
Next slide

Sem vencer fora de casa há mais de dois meses, Fluminense busca reverter quadro diante do Coritiba

Facebook
Twitter
LinkedIn

Desde o dia 10 de maio, o Fluminense não vence longe do Rio de Janeiro. Naquela data, o Tricolor das Laranjeiras encarou o Cruzeiro, no Mineirão, e derrotou a equipe de Pepa por 2 a 0 com gols de Paulo Henrique Ganso e Germán Cano.

Desde então, o Tricolor das Laranjeiras atuou seis vezes fora de casa, acumulando cinco derrotas e um empate. Na segunda-feira (24), a equipe de Fernando Diniz tem a chance de reverter o quadro diante do Coritiba, que ocupa apenas a 18ª colocação no Campeonato Brasileiro apesar do bom momento vivido recentemente.

No início da temporada, o Fluminense não via empecilhos em jogar fora de seus domínios, tendo vencido o Sporting Cristal na estreia da Libertadores, mas também Paysandu, pela Copa do Brasil, América-MG e Cruzeiro, pelo Brasileirão. Nesse período, a equipe sofreu uma única derrota contra o Fortaleza, mas com um time muito modificado por seu treinador.

Um dos fatores que explica essa queda nos resultados são as diversas lesões que o elenco sofreu, principalmente após o confronto contra o Cruzeiro. Nos quatro primeiros jogos dessa sequência negativa, o Diniz não contou com as presenças de Marcelo, Alexsander e Keno. Lembrando que o Flu atuou com um time alternativo e recheado de reservas contra o The Strongest, na altitude de La Paz.

No empate contra o Goiás, Keno voltava de lesão, mas a equipe estava comprometida defensivamente, uma vez que Felipe Melo, Samuel Xavier e Guga também não estavam disponíveis para o confronto, assim como Marcelo e Alexsander. Já a derrota diante do São Paulo foi dolorosa e a comissão técnica pediu desculpas ao torcedor por conta do desempenho muito abaixo da média.

Contra o Coritiba, o Fluminense conta com um elenco quase completo, uma vez que Germán Cano está suspenso após ter recebido o 3º cartão amarelo contra o Flamengo, enquanto Alexsander segue se recuperando de uma lesão. Marlon, que retornou, mas que não fez sua reestreia, também cumpre suspensão por uma punição recebida ainda na Itália.

No duelo de equipes que vivem momentos bem distintos, o Tricolor possui o 7º melhor ataque do Brasileirão com 21 gols marcados, enquanto o Coxa tem a 3ª pior defesa com 28 gols sofridos. Há uma grande oportunidade para o elenco reverter o recente quadro negativo justamente antes de um confronto importante contra o Argentinos Juniors, pela Libertadores.

Fonte: Lance

Notícias Recentes

Quais os jogos desta terça-feira

A Folha traz os jogos de hoje, horarios e onde assistir, veja MILLONARIOS X FLAMENGO 19H – ESPN / STAR+ THE STRONGEST